Notícias

Saideira do Comida di Buteco 2017 promete banquete de mineiridade no dia 20 de maio no Mineirão

Saideira do Comida di Buteco 2017 promete banquete de mineiridade com a presença dos 49 melhores bares de Belo Horizonte e do atual campeão nacional. A festa também terá muita música para temperar o Mineirão. O vencedor será o representante da capital mineira na final nacional do concurso.

No dia 20 de maio, sábado, a partir do meio-dia, o estacionamento aberto do Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, será palco da tradicional Saideira, a grande festa de encerramento e de premiação do maior concurso de cozinha de raiz do Brasil, o Comida di Buteco.

Os 49 bares participantes estarão presentes no evento, e o público terá o maior cardápio de comida de boteco em um só local. Pelo nono ano consecutivo, cada petisco será vendido por apenas R$10.

A grande novidade será a presença do atual campeão nacional, o carioca Bar do David. Assim, os belo-horizontinos terão a oportunidade de experimentar o petisco “ressurgência”, um vinagrete de frutos do mar com feijão fradinho que encantou o público e os jurados, e que deu a este boteco do Chapéu Mangueira o título demelhor do Brasil, na primeira eleição nacional do concurso, ocorrida em junho do ano passado.

A grade artística privilegia artistas mineiros e vai garantir aos presentes diversão de qualidade.

No palco principal se apresentam Oi de Gato, Falcatrua e Baianas Ozadas com Moraes Moreira.

Quem abre os festejos deste palco é a banda Oi de Gato. Com quase 10 anos de existência, o grupo tem repertório baseado em releituras de clássicos do samba, da bossa nova e do samba rock. Constam em seuset list sucessos de compositores e de intérpretes como Chico Buarque, Adoniran Barbosa, Ary Barroso, Paula Lima, Seu Jorge, Clara Nunes, Dona Ivone Lara e Jorge Ben Jor, entre outros.

A banda Falcatrua será a segunda a se apresentar. Conhecido por suas incríveis performances no palco, o Falca, como é carinhosamente conhecido, apresenta o seu elogiado show tributo ao síndico Tim Maia, que rendeu o disco “Vou Com Gás”, lançado em 2009, com produção e arranjos de John Ulhoa, do Pato Fu, e com direção artística assinada pelo cultuado Nelson Motta.

Fundado há 17 anos, o Falcatrua ainda tem outros quatro discos na bagagem.

O bloco Baianas Ozadas será responsável por encerrar a noite com chave de ouro. O grupo receberá no palcoMoraes Moreira para um show inédito. O cantor, compositor e músico baiano fez parte do histórico grupoNovos Baianos e, há mais de 40 anos, tem uma sólida carreira solo, recheada de sucessos, como a marchinha “Pombo Correio” e “Santa Fé”, tema de abertura da novela Roque Santeiro, de Dias Gomes.

Moraes Moreira também é conhecido por ser o primeiro cantor de trio elétrico e é apontado como um dos principais responsáveis pelo crescimento do carnaval de rua em Salvador.

Criado por um grupo de baianos residentes na capital mineira, o Baianas Ozadas fez sua estreia no carnaval de rua de Belo Horizonte em 2012. O projeto resgata as músicas que animaram a folia na Bahia e em todo o país nas décadas de 1970, 80 e 90. Dentro desse “axé vintage”, o repertório contempla diferentes ritmos, que vão desde o samba-reggae dos blocos afros, como o Olodum e a Timbalada, até o pagode baiano de grupos como É o Tchan e Terra Samba. Luiz Caldas, Caetano Veloso, Gilberto Gil e Carlinhos Brown, entre outros, também são lembrados.

Com saias rodadas, turbantes e ostentando as cores do bloco (branco, vermelho e amarelo), o Baianas Ozadas se afirma pela ousadia de uma composição visual divertida e arrojada, em contraste com a musicalidade de tradição afro-baiana.

Desde 2013, o bloco tornou-se um dos mais expressivos da capital mineira, arrastando milhares de pessoas pelas ruas de BH nas segundas-feiras de carnaval.

A festa ainda contará com Rock Reunion Band, com o bloco Me Assume Ou Me Esquece e com o DJ Catebpara animar a pista.

O momento mais importante da Saideira será a premiação, que elegerá os cinco melhores bares de Belo Horizonte. Dentre eles estará o grande campeão, que representará a capital mineira em julho, no Rio de Janeiro, quando será eleito o melhor boteco do Brasil.

Os ingressos já estão no 2º lote e custam R$80 (inteira) e R$40 (meia-entrada).

Menores com idades de 12 a 17 anos devem entrar acompanhados pelos responsáveis (pais, tutores e guardiões) ou por parentes de primeiro grau (tios, avós e irmãos), sendo necessário comprovar o parentesco na entrada do evento, ou ainda por um terceiro maior de idade, mediante autorização assinada por um dos pais e com firma reconhecida.

Crianças com idades inferiores a 12 anos não pagam ingresso, mas só entram acompanhados dos responsáveis legais (pais, tutores e guardiões).

O Mineirão fica na Avenida Antônio Abrahão Caram, 1001, no bairro São José, na região da Pampulha, e o acesso ao evento será pela Avenida Presidente Carlos Luz (Catalão), em frente à Escola de Veterinária da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Muito bem temperada com música e sabores, a Saideira do Comida di Buteco é uma grande confraternização entre público, artistas e 50 bares imperdíveis.

Isso sim, é festa para botequeiro nenhum botar defeito!

Foto: Divulgação

Selecionamos os melhores fornecedores de BH e região metropolitana para você realizar o seu evento.