Notícias

Costureiras do Aglomerado da Serra confeccionam produto solidário para o Dia das Mães

Lucro será revertido em cestas básicas para famílias em situação de pobreza em ação Comunidade Viva Sem Fome

Solidariedade, gentileza e generosidade são ensinadas por muitas mães para seus filhos e filhas. Nesse Dia das Mães, a proposta do Comunidade Viva Sem Fome é que esses valores ganhem a forma de um presente: o cachepô-amô. Composto por um vaso de planta sortida, um cachepô de tecido e um cartão especial, o produto gera renda para costureiras do Aglomerado da Serra e terá seu lucro revertido para a promoção de segurança alimentar na Grande BH. A ideia de vender o mimo no Dia das Mães surgiu de profissionais que atuam pela promoção da cidadania e que, diante do aumento exponencial da fome, enxergaram uma possibilidade de, em uma mesma ação, incentivar o empreendedorismo e levantar recursos para comprar alimentos para as milhares de famílias em situação de vulnerabilidade na Grande BH. Toda essa articulação só foi possível graças às mãos precisas das costureiras periféricas do Projeto Carolinas. Pelo valor de R$65, é possível fazer parte dessa corrente do bem. Para adquirir o cachepô-amô, basta entrar em contato pelo número (31) 9 9566-9629 e fazer seu pedido. O pagamento pode ser feito por pix, cartão de crédito ou transferência bancária para o Banco do Brasil. O valor do frete para BH e região metropolitana varia conforme a localidade, e as entregas serão feitas entre 5 e 8 de maio. O produto é fruto da união de forças em prol de uma causa social. A ação tem o apoio das Marias Bonitas de Lourdes, Studio Tertúlia, Projeto Carolinas, Floricultura Fresh Flowers e Entrelinha Papelaria. De uma mãe para a outra: o Projeto Carolinas

A chegada do coronavírus ao Brasil aprofundou ainda mais as vulnerabilidades e desigualdades sociais já existentes. Foi pensando em um grupo específico de pessoas, as mulheres das periferias que estão desempregadas e sujeitas a diversas violações de direitos, que, em abril de 2020, a rede Periferia Viva conectou costureiras de vários pontos de BH e Região Metropolitana. Do laço entre essas mulheres – muitas delas mães, avós e chefes de família - nasceu o Projeto Carolinas, que visa oferecer proteção às mulheres da periferia através da garantia de uma fonte de renda – a confecção. Desde seu surgimento, o coletivo vem se dedicando à produção de máscaras e outros itens, com uma equipe de mulheres responsáveis por todas as etapas do processo, desde a compra de tecidos e desenho dos moldes até a entrega e divulgação dos produtos. Ação Comunidade Viva Sem Fome Combater a fome e promover a vida na Grande BH é o propósito da ação contínua Comunidade Viva Sem Fome, criada em 2020 frente ao agravamento das desigualdades sociais provocado pela pandemia. Coordenada pela AIC - Agência de Iniciativas Cidadãs e pela Cáritas Brasileira – Regional Minas Gerais, a ação distribui mensalmente cestas básicas e itens de higiene para famílias em situação de vulnerabilidade, além de realizar ações educativas e culturais em mais de 50 territórios periféricos. Em articulação com 65 iniciativas comunitárias, foram distribuídas, em 1 ano de atuação, mais de 250 toneladas de alimentos. Cachepô-amô Contém: 1 vaso de planta sortida; 1 cachepô de tecido de estampa sortida Preço: R$65 Pedidos pelo número (31) 9 9566-9629

Foto: Studio Tertulia

Selecionamos os melhores fornecedores de BH e região metropolitana para você realizar o seu evento.