Notícias

McDonald's Brasil inclui deficiente auditivos no curso de Desenvolvimento Sustentável em Foco

A 17ª edição do curso Desenvolvimento Sustentável em Foco, realizado pelo McDonald's Brasil para funcionários, fornecedores e stakeholders na semana de 17 a 20 de setembro, ficará marcada na história da empresa pela inclusão de deficientes auditivos em suas turmas. Pela primeira vez, desde que o curso foi lançado pela Universidade do Hambúrguer (UH), a universidade corporativa do McDonald's, em 2018, seis pessoas surdas, quatro delas funcionárias do McDonald's em Belo Horizonte, tiveram a oportunidade de participar e serem certificadas ao final. Isto, porque os conteúdos também foram transmitidos em Libras, a Língua Brasileira de Sinais.

Em BH, o curso foi realizado no Centro de Treinamento da empresa, no Shopping Del Rey, no período da noite, de 18h às 22h, conectado em tempo real, via internet e telão, com a UH, em Alphaville (SP). Na pauta, temas como Economia Circular, Gestão de Resíduos com Impacto Social, Segurança Hídrica, Desperdício de Alimentos, Mudanças Climáticas e Capitalismo Consciente e Escala para o Bem. O curso, que tem carga horária de 16 horas aula, já impactou quase 700 pessoas com esta experiência desde seu lançamento.

O mercado mineiro tornou-se piloto para um projeto de inclusão de surdos do McDonald's Brasil. No ano passado, em parceria com a Rede Cidadã, entidade referência no trabalho com este público no Estado, o McDonald's contratou 20 deficientes auditivos para trabalhar em seus restaurantes em Belo Horizonte. Após um ano, a maior parte do grupo se adaptou muito bem às rotinas operacionais nos restaurantes, alguns foram destaque do mês, e contribuíram para o clima organizacional, tornando o ambiente de trabalho mais diverso, criativo e harmônico. O piloto bem sucedido com os deficientes auditivos mineiros (tanto na cozinha dos restaurantes quanto no aproveitamento neste curso), possibilitará à empresa ampliar as oportunidades para surdos no país

"Temos certeza de que estamos no caminho certo. Temos o ingresso de um ser humano e a saída de outro. Quanto mais pessoas passarem por esta experiência, a gente vai construir um mundo melhor. Temos uma marca gigantesca, esse M de uma das 50 marcas que podem mudar o mundo, quanto mais as pessoas entenderem a real dimensão do que significa o desenvolvimento sustentável, tenho total certeza de que nós vamos fazer mais diferença do que fazemos hoje", acredita Leonardo Lima, Diretor de Desenvolvimento Sustentável do McDonald’s Brasil.

Segundo censo realizado em 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 9,8 milhões de brasileiros possuem deficiência auditiva, o que representa 5,2% da população brasileira. Deste total 2,6 milhões são surdos e 7,2 milhões apresentam grande dificuldade para ouvir. Cerca de um milhão são jovens até 19 anos. Outro dado curioso e preocupante: apenas 2% dos sites corporativos são acessíveis a surdos no Brasil, ou seja possuem conteúdos em Libras - Língua Brasileira de Sinais. Quando pensamos que o conteúdo online é basicamente composto por textos e vídeos, entendemos o tamanho do problema. Para essas milhões de pessoas, a internet está offline e nada comunicado por sites de empresas, blogs ou lojas virtuais está disponível para eles.

Foto:Divulgação

Selecionamos os melhores fornecedores de BH e região metropolitana para você realizar o seu evento.